PARALISIA CEREBRAL, UM TABU A SER QUEBRADO

quinta-feira, 16 de julho de 2009

NOTA

Durante a coletiva, o repórter do CQC Rafael Cortez pergunta ironicamente se essa negativa foi a gota d’água para o fim do relacionamento. "Não", fala Caetano, monossilábico.

Fonte: Estadão
Postar um comentário